A paz que emana do perdão

A paz que emana do perdão

A paz que emana do perdão. 1

“Considera as minhas aflições e o meu sofrimento e perdoa todos os meus pecados.” Sl. 25.18.

O pecado está sempre presente no mundo incrédulo, violento, sem parâmetro que o limite. O pecado se apresenta mui lindo, com muitas vantagens, muitas promessas valiosas, mas na realidade não tem nada a oferecer. É apenas fachada, e na realidade ele rouba a paz, traz sofrimento, mata a alegria de viver. Dá lugar a tristeza, a dor, destrói tudo que há de melhor na pessoa, deixando-a à beira  do abismo espiritual. Se a pessoa não se conscientizar a tempo, ela vai se enlear de tal maneira, que dificilmente conseguirá sair ilesa dele.

O salmista rei Davi escreveu lindas mensagens através de seus Salmos. Os salmos eram poemas líricos religiosos para serem acompanhados por instrumentos musicais. Eram orações em gênero poético. Davi compôs Salmos de louvor ao nosso Deus; pedindo auxílio divino – como o Salmo 25. Davi pede a Deus para não ser envergonhado diante de seus inimigos, porque estes procediam traiçoeiramente. Davi viveu tempos difíceis preso na teia do pecado, nas aflições que o maltratavam muito.

Como todo ser humano, nasceu e cresceu em pecado, mas ele clamou a Deus de todo coração. Ele sempre adorou a Deus em primeiríssimo lugar. Davi era invejado, perseguido pelos inimigos, justamente porque Deus era sempre com ele. Davi se volta a Deus e pede perdão de todos os seus pecados. Porque ele sabia, que com o perdão de Deus, ele teria todos os seus pecados apagados (Is. 1.18). As aflições e o sofrimento são filhos malditos do pecado. O pecado impera largamente nos corações humanos.

Deus na Sua infinita misericórdia preparou um plano para a salvação de toda alma imortal. Através de Sua Palavra Ele transmite a mensagem de salvação. Mas, Deus deixa todo ser humano livre para escolher o caminho que quer seguir. Se ele escolher o caminho da salvação, começará receber as bênçãos prometidas por Deus, e no porvir a vida eterna no paraíso celeste. Lá, não haverá mais choro, doença, sofrimento, morte, desilusão, tristeza, aflições, porque a luz do Senhor Deus brilhará sobre todos.

Davi busca a Deus de coração, ele quer conhecer mais os caminhos do Senhor, e quer também que o Senhor lhe ensine as Suas veredas (caminho, senda, rumo, direção, atalho). Davi quer conhecer sempre mais o nosso Deus. Por mais próximo que ele estivesse do Senhor, ele nunca chegaria ao conhecimento total do Eterno. Davi pede a Deus para guiá-lo, ensiná-lo, porque disse que Deus era a sua salvação, e que ele esperava em Deus todos os dias. Davi tinha total confiança em Deus. Davi era um homem segundo o coração de Deus (1 Sm. 13.14).

A paz que emana do perdão chega até os nossos ouvidos através da Palavra de Deus. Se quisermos viver em paz, teremos que pedir perdão a Deus de todos os nossos pecados e abandoná-los. A felicidade está em termos paz com Deus. A paz de Deus “E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus” Fp. 4.7. A Paz é algo tão almejado por todo ser humano, que somente ao ouvir a pronúncia da palavra ‘paz’, já sente o seu benéfico efeito sobre ele. Nada é tão valioso quanto ter paz com Deus.

A Palavra de Deus declara: “O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia” Pv. 28.13.

Graça e Paz!

Comments are closed.