Browsed by
Tag: segurança

Encontro

Encontro

“Se quiserdes e me ouvirdes, comereis o melhor desta terra” Is. 1.19.

A Palavra de Deus está repleta de alertas para que a pessoa assuma as suas responsabilidades com o Senhor Deus. Ele é o Criador, Doador e Mantenedor da vida. Toda pessoa tem obrigação de pensar a respeito da vida eterna. Porque a alma é eterna, quer seja salva por Cristo Jesus, quer seja perdida por falta de decisão pessoal. A decisão é pessoal e personalizada. Ninguém pode tomar a decisão por outrem. Isto porque Deus é extremamente justo. Ninguém pode culpar o outro pela má decisão ou pela falta de decisão. No versículo acima citado Deus nos deixa livres para esta escolha. Ele disse ‘Se… ’, a pessoa que decide.

O versículo acima também traz a promessa de Deus para a vida de todo aquele que se volta a Jesus Cristo, que é o próprio Deus. “… comereis o melhor desta terra”. Comer o melhor da terra não significa somente a alimentação física, mas tudo o que se refere a vida e ao bem estar. Comer o melhor desta terra, também como alimentação espiritual, principalmente, porque é a mais importante para a vida vencedora de uma pessoa.  Isso porque a alimentação física não precisa de muita coisa para a satisfação do corpo, mas a espiritual é a excelência para o corpo. A pessoa que vive segundo os propósitos de Deus, é muito abençoada em tudo que faz, além de ser uma bênção onde quer que ela viva ou que ela faça parte.

O encontro da pessoa com o seu Deus acontece quando ela se converte de corpo e alma ao Senhor Jesus Cristo, que é o próprio Deus. Ao encontrar-se com o seu Deus a pessoa passa a ser uma nova criatura, ou deixa de ser criatura e passa a ser um filho de Deus (João 1.12). Se as pessoas tivessem consciência de sua pequenez diante de Deus, e que são fracos e necessitados espiritualmente, elas recorreriam ao Senhor da Glória para o seu acolhimento. Mas o que notamos é a rebeldia das pessoas, que geralmente, confiam nos bens materiais, no poder temporário para serem valorizados e muitas vezes destacados.

Mas para Deus o importante e inegociável é a parte espiritual, que não muda com o que a pessoa possui ou faz materialmente. O espírito é o bem mais precioso que a pessoa tem. Nele não há diferença entre as pessoas. Deus não faz acepção de pessoas, 1 Pe 1.17. Todos recebem um espírito e cabe a pessoa a responsabilidade do que fazer com ele, para devolvê-lo a Deus são e salvo espiritualmente, ou precário, perdido e condenado, sem volta. Deus ama todos os seus filhos e quer o melhor para eles, todos quantos aceitarem a salvação que o Senhor Jesus oferece gratuitamente. Deus preparou um lindo jardim para os seus amados, e todo aquele que aceitar Jesus Cristo como seu único e suficiente Salvador pessoal estará com Ele neste lugar maravilhoso preparado desde o início dos tempos, quando o Senhor Deus criou o ser humano e as maravilhas existentes na Natureza.

“Porém, se não fizerdes assim, eis que pecastes contra o Senhor; e sabei que o vosso pecado vos há de achar” Nm 32.23.

Graça e Paz!

O Senhor será contigo

O Senhor será contigo

“O Senhor é quem vai adiante de ti; ele será contigo, não te deixará, nem te desamparará; não temas, nem te atemorizes” Dt. 31.8.

Como é maravilhoso e agradável caminhar com o Senhor nosso Deus. A Palavra de Deus nos diz que o Senhor vai adiante de nós, abrindo caminho, protegendo-nos de todo e qualquer mal. A companhia do Senhor é sem igual. A segurança que Ele nos oferece é inquestionável. Ele não nos deixará, nem nos desamparará, porque Ele quer que caminhemos sempre sob Seus cuidados, Seu Amor de Pai. Ele nos diz também para não temermos, nem nos atemorizarmos, porque Ele está sempre conosco.

Com a presença do Senhor Deus em nossas vidas, não temos o que reclamar. O Senhor nos quer  dependentes d’Ele, porque nós não conseguimos nos proteger sozinhos. Somos iguais as ovelhas, que são indefesas, mansinhas, fraquinhas diante do inimigo. O inimigo das almas imortais é muito forte, somente o Senhor Deus para derrotá-lo, e afastá-lo de nós. O Senhor nos cerca de carinho, amor, proteção. Ele quer o melhor para nós. A Sua companhia é muito agradável e indispensável. O Senhor Deus criou o ser humano a  sua imagem e semelhança moral (Gn. 1.26). Portanto, Deus tinha e tem um plano para o ser humano.

Este deveria viver no jardim do Éden, convivendo com o Senhor Deus, mas o ser humano desobedeceu as ordens do seu Criador e Senhor, e  recebeu a punição pela sua desobediência. Deus mandou-o cultivar a terra e tirar dela o seu sustento. Mas o Senhor preparou um caminho de salvação para que o ser humano possa voltar ao jardim do qual foi afastado. Deus enviou Jesus Cristo para cumprir o castigo imposto por Ele ao ser humano, e oferecer gratuitamente a salvação de qualquer alma imortal que o receber como seu único e suficiente salvador pessoal. A salvação implica no retorno do que crê, na volta ao jardim de onde fora expulso.

Toda alma é imortal, quer seja salva para a eternidade, que seja perdida também para eternidade. É muito sério não receber o Senhor Jesus como seu único e suficiente Salvador pessoal, porque a única oportunidade é durante esta vida, não haverá outra, e o tempo passa muito rápido. Deus é a máxima Perfeição, com Ele tudo fica bem, desde o momento que convidamos o Senhor Jesus para entrar em nossos corações e fazer neles morada. Quando temos o Senhor Deus em nossa companhia Ele vai sempre diante de nós “O Senhor é quem vai adiante de ti; ele será contigo, não te deixará, nem te desamparará; não temas, nem te atemorizes” Dt. 31.8.

Todos os convertidos ao Senhor Jesus Cristo contam com uma alegria espiritual tão grande que até os rios, os montes se alegram e comemoram o seu o bem estar espiritual. Mas o Senhor é longânime, Ele julgará o mundo com justiça, e os povos com equidade, isto é, Deus é maravilhoso, amoroso, mas justo. O Senhor Deus vai sempre adiante de ti, não te deixará, nem te desamparará… O tempo de aceitar a Jesus é agora.

“Os rios batam palmas, e juntos cantem de júbilo os montes, na presença do Senhor, porque ele vem julgar a terra; julgará o mundo com justiça e os povos, com equidade” Sl. 98.8,9.

Graça e Paz

A tentação de Jesus

A tentação de Jesus

A tentação de Jesus. 1

Mt. 4.1-11.

“… Ao Senhor, teu Deus, adorarás, e só a Ele darás culto” Mt. 4.10b.

Em Mateus 4.1-11,  encontramos uma passagem  que nos leva a uma profunda meditação. Jesus foi tentado três vezes por Satanás, e nas três vezes, Jesus lhe respondeu com as Palavras do Livro Sagrado – a Bíblia. Se Jesus Cristo sendo o próprio Deus foi tentado, como não serão os seres humanos? Os seres humanos já possuem uma natureza frágil espiritualmente, e nascem com o pecado original, herdado dos primeiros pais. Esses seres frágeis necessitam de uma proteção espiritual muito grande. E essa proteção só pode vir do Senhor Deus, em Jesus Cristo.

O primeiro homem (Adão) desobedeceu a Deus, pecou contrariando as ordens do seu Criador. Recebeu o castigo, que é a morte física, orgânica. Porque o espírito não morre, vive eternamente, quer seja salvo, para  viver no reino da Luz, com Cristo,  quer seja perdido,  quando  viverá no reino de trevas. Os salvos, assim,  viverão no reino maravilhoso  da Luz juntamente com o Senhor Jesus e os demais salvos.

Jesus Cristo oferece a salvação de graça a quem quer ir com Ele depois desta vida. A vida aqui é muito breve, e passa voando, mas a eterna é para sempre. Jesus morreu na cruz do calvário, e derramou o Seu sangue. Ressuscitou ao terceiro dia. Subiu ao céu, onde foi preparar lugar (João 14.2) para todo aquele que O aceitar como seu único e suficiente Salvador pessoal, para todo o sempre.

Se por um lado Adão pecou, e perdeu o privilégio de morar no jardim que Deus havia preparado para que o ser humano o habitasse, por outro lado, Deus na Sua infinita misericórdia preparou a vinda do Seu Filho Amado Jesus Cristo para realizar o grande ministério que ofereceria, e oferece gratuitamente a salvação a todo aquele crê. O Senhor Jesus realiza uma mudança enorme no coração, e na vida de uma pessoa. A pessoa ganha mais confiança, mais tranquilidade, e a certeza de que no porvir estará com seu Senhor na glória do céu.

Nos versículos que lemos o Senhor Jesus foi tentado por Satanás, mas esses versículos continuam atuais. Quantas pessoas tentam o Senhor Jesus com pedidos esdrúxulos, fazendo promessas como: se o Senhor me fizer tal bênção, eu darei tal retribuição, ou se o Senhor me curar de tal doença eu retribuirei assim, ou se o Senhor conceder essa graça eu retribuirei assim (as mais variadas formas). Ou ainda pessoas que dão ordens ao Senhor Jesus, exigem isso ou aquilo, como se o Senhor fosse inferior a elas. Muitas pessoas assim ensinam, e levam outras a praticarem tal erro. Normalmente, as pessoas não param para pensar no resultado daquilo que estão praticando. Assim cometem os mais variados erros ao exigirem que Deus dê alguma bênção primeiro, para depois fazer ou pagar o prometido. Não é a mesma coisa de: “… Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares”? Mt. 4.9. E o que o Senhor Jesus ordenou? Retira-te, Satanás, porque está escrito: “Ao Senhor, teu Deus, adorarás, e só a Ele darás culto” Mt. 4.10.

Só existem dois senhores: O Senhor Deus, em Jesus Cristo – Todo Poderoso,  Criador de tudo e de todos, e o senhor das trevas Satanás. Daí, a obrigação do ser humano, de raciocinar antes de praticar qualquer ação ao se achegar a Deus para pedir alguma coisa. Antes de qualquer ação, há necessidade de muita humildade, isto é, reconhecimento de que somos necessitados espiritualmente, e que não temos nada nem condições de oferecer alguma coisa espiritual ao Senhor Deus. Deus é Espírito, e importa que Seus adoradores O adorem em Espírito e Verdade (João 4.23).

Porque se a pessoa não estiver agradando a Deus, andando nos Seus Santos e retos Caminhos, fazendo o que reto aos Seus olhos, qualquer outra ação estranha está orientada e aplicada por Satanás. Não há deuses intermediários, não há condutor de pedidos de graças, de promessas, por mais que uma pessoa queira, nada muda em relação a parte espiritual. Ou a pessoa tem a paz de Deus em seu coração, ou tem a turbulência mundana em sua vida. “… Ao Senhor, teu Deus, adorarás, e só a Ele darás culto” Mt. 4.10b.

“Teu, Senhor, é o poder, a grandeza, a honra, a vitória e a majestade; porque teu é tudo quanto há nos céus e na terra; teu, Senhor, é o reino, e tu te exaltaste por chefe sobre todos” 1 Cr. 29.11.

“Pois a terra se encherá do conhecimento da glória do Senhor, como as águas cobrem o mar” Hc. 2.14.

Graça e Paz!

Honra, Poder e Glória

Honra, Poder e Glória

Honra, poder e glória“Teu, Senhor, é o poder, a grandeza, a honra, a vitória e a majestade; porque teu é tudo quanto há nos céus e na terra; teu, Senhor, é o reino, e tu te exaltaste por chefe sobre todos” 1 Cr. 29.11.

 Ao Senhor Deus Todo Poder, toda Honra, e toda Glória. Assim o Senhor Deus quer que nos dediquemos a Ele, observando sempre que somente a Ele devemos atribuir toda a nossa atenção, consideração, e adoração. O Senhor Deus é o Criador de tudo e de todos. Portanto, somente Ele é digno desses atributos. O Salmo 96.6 diz: “Glória e majestade estão diante dele, força e formosura, no seu santuário”. Em 2 Cr. 5.14 diz: “… porque a glória do Senhor encheu a Casa de Deus”. Não existe outro poder acima do poder do nosso Deus. Por isso, devemos reconhecer que somos pequeninos e frágeis diante d’Ele, e que dependemos d’Ele em tudo.

É muito comum encontrarmos pessoas querendo ser maiores que Deus. Pensam que podem caminhar sozinhas pelo mundo, sem se preocupar com a saúde física, orgânica, espiritual. Essas pessoas não fazem mal somente para elas próprias, mas a todas as pessoas que as rodeiam.  Porque, os que não têm a presença de Deus em sua vida, consequentemente, são pessoas amargas, tóxicas, invejosas, que vivem brigadas com a humanidade. Pessoas que caminham com o Senhor Deus são saudáveis espiritualmente, logo, são mais saudáveis também física e organicamente. Essas são pessoas que valem a pena onde quer que estejam. Pessoas que não se preocupam com a saúde espiritual não podem querer que o Senhor as abençoe e as guarde.

Ao Senhor Deus Todo Poder, toda Honra, e toda Glória, assim consta no manual que o Senhor Deus nos deixou para seguirmos de modelo proposto por Ele. Todo aquele que adquirir esse manual e estudá-lo diariamente, sabe que somente ao Senhor Deus devemos toda a nossa condução, proteção, paz espiritual. As pessoas normalmente enfrentam problemas, porque fazem parte da vida diária, mas debaixo dos cuidados de Deus tudo fica mais leve, mais seguro, mais palatável. Se todas as pessoas que se dizem cristãs, conhecessem bem o manual do Senhor Deus (Bíblia Sagrada), tudo seria muito diferente. As demais religiões confiam em homens. Homens que viveram e morreram como qualquer outro mortal. Não ressuscitaram. Restaram apenas os ossos. Como podem fazer algum milagre ou alguma graça por pequena que seja?

O nosso Deus é vivo, poderoso, Senhor da Terra e do Céu. Ele não permite adoração a qualquer deus ou ídolos. A Sua Palavra condena veemente toda adoração que se desvia da verdadeira adoração, que é dedicada totalmente a Ele, Senhor dos Senhores (Is. 43.11,12). Ao Senhor Deus todo Poder, toda Honra, e Toda Glória. Somente Ele é o Alfa e o Ômega, o Primeiro e o Último, o Princípio e o Fim (Ap. 22.13). O Senhor Deus nos enviou Seu Filho amado Jesus Cristo, o qual, morreu e ressuscitou ao terceiro dia. Subiu aos céus (At. 1.9). O qual voltará com poder e grande glória para levar todo aquele que se converteu a Ele, e seguiu Seus passos.

“A glória do Senhor se manifestará, e toda a carne a verá, pois a boca do Senhor o disse” Sl. 40.5.

“Amém. O louvor, e a glória, e a sabedoria, e as ações de graças, e a honra, e o poder, e a força sejam ao nosso Deus, pelos séculos dos séculos. Amém” Ap. 7.12.

Graça e Paz!

Mente saudável

Mente saudável

Mente saudável 1

“Amarás, pois, o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todo o teu entendimento e de toda a tua força” Mc. 12.30.

Todo ser humano nasce com a mente novinha, sem qualquer impressão. Cabe aos pais e a família começar uma impressão maravilhosa que é a Palavra de Deus como educação primordial. Através dela a pessoa adquire sabedoria, segurança e orientação correta para sua vida futura. É um direito do ser humano saber sobre sua origem, seu viver aqui na sociedade a que pertence. Deus na Sua infinita misericórdia nos deixou um excelente manual (Bíblia) para que tenhamos uma vida de bênçãos, vitórias, bem-estar e segurança. De acordo com o manual divino o ser humano deve ser feliz e completo espiritualmente. Sendo completo espiritualmente ele o seria também materialmente, porque a paz e o bem estar constroem uma vida. Nada melhor que a Paz de Deus, que é indescritível, no coração e no viver diário.

A mente (coração, alma, espírito) saudável é necessária a todo aquele que se aproxima do Senhor Deus. O Senhor Deus é a beleza suprema, sabedoria infinita, bondade irrestrita, Amor incomparável, imensurável, sem qualquer sombra de dúvida. Com todos esses atributos o Senhor requer que o seu  seguidor observe e siga com Ele. O Senhor nosso Deus é Santo, e Ele requer que sejamos santos também (1 Pedro 1.15,16). Quanto mais a pessoa se aproxima de Deus, mais ela aprimora a sua mente. Ela ocupa todo espaço nela existente com o conhecimento da Palavra do nosso Deus. Caso contrário, a pessoa se distancia tanto de Deus, que dificilmente, O reencontra. Os cuidados dos compromissos assumidos, a falta de tempo para as coisas espirituais, a falta de vontade, ou melhor, indolência para com a Palavra de Deus, leva a pessoa a uma distância tão grande, que dificilmente ela pode ver um novo horizonte.

O profeta Jeremias  nos disse que o Senhor imprimirá  as Suas leis na mente de quem o busca, e que Ele lhas inscreverá no coração da pessoa, e que Ele será o seu Deus e a pessoa será parte do Seu povo. Para que isto aconteça a pessoa necessita se aproximar de Deus. Buscar conhecimento através da leitura de Sua Palavra. Orar. Meditar. Ser fiel a Deus. Toda pessoa que se aproxima de Deus, e que cresce espiritualmente, torna-se uma pessoa diferente, uma pessoa melhor. O que nós notamos é que a maioria ou quase todas as pessoas não se preocupam em oferecer essa herança maravilhosa a criança quando na mais tenra idade (Pv. 22.6). A mente saudável, é o maior bem que a pessoa pode possuir. Porque a mente saudável está conectada com a vida eterna juntamente com o Senhor Jesus Cristo e os demais salvos e bem-aventurados.

“Cria em mim, ó Deus,  um coração puro e renova dentro de mim um espírito inabalável” Sl. 51.10.

“Porque tu és povo santo ao Senhor, teu Deus; o Senhor, teu Deus, te escolheu, para que lhe fosses o seu povo próprio, de todos os povos que há sobre a terra” Dt. 7.6.

Graça e Paz!

 

Monte Sião

Monte Sião

canticos 2

Os que confiam no Senhor são como o Monte Sião, que não se abala, firmes para sempre. Sal 125:1.

Desde o início da Bíblia encontramos referências ao Monte Sião. Sempre traduzindo firmeza, imutabilidade. Sião significa fortaleza, permanência. Tudo na natureza muda, menos os montes, montanhas. Em um campo onde há árvores quer sejam frutíferas ou não, com o passar do tempo, elas definham e morrem. Mas os montes permanecem através dos séculos ou milênios. É o caso do Monte Sião. Em uma determinada época o
povo foi levado em cativeiro para a Babilônia. Lá sofreu horrores, pois estava longe de sua terra, com outros costumes, eram escravos. O povo chorava e clamava pelo retorno à sua terra natal. O povo foi cativo porque confiou mais em suas riquezas, seu poder, sua própria decisão, deixou a verdadeira fortaleza de lado que é o Senhor Deus.

Mas o Monte Sião estava ali, indômito, inalterável e imutável, como que esperando a todo aquele que voltasse a habitar naquela terra. Terra que o Senhor Deus havia dado ao Seu povo por herança. Sião passou a representar Israel ou o povo de Deus (Is. 60.14). No tempo da graça, como sendo a Jerusalém celestial (Hb. 12.22). Podemos ver no Monte Sião toda a fortaleza invencível pela força humana.  Fortaleza comparada a Deus. Deus não muda. Ele pode todas as coisas. Aquele povo deixou o seu Deus de lado para caminhar com as próprias pernas, mas se esqueceu que o inimigo ronda sem parar, e o menor vacilo, ele ataca sem dó nem piedade. Para recuperar-se de um ataque desses, leva muito tempo, e muitas vezes não se recupera.

O amor de Deus pelo ser humano é tão grande, que não conseguimos dimensioná-lo. Tomamos como exemplo uma criança recém-nascida. As pessoas a cercam, a amam, mas ela não fez nada para ganhar esse amor tão grande dos pais, da família e de todos que a cercam. Assim é o amor de Deus para com todo aquele que n’Ele crê e confia.  Deus quer que todos confiem n’Ele, mas muitos não querem confiar como aquele povo que foi levado em cativeiro babilônico. Hoje, o cativeiro é espiritual, o ser humano é o mesmo, quer confiar em seus pertences, seu poder, sua capacidade intelectual, enfim, tudo que é visível, material.

Aquele povo retornou do cativeiro, e pode avistar ao longe o Monte Sião, no mesmo lugar, majestoso, inabalável, então cantou: “Os que confiam no Senhor são como o Monte Sião, que não se abala, firme para sempre” Sl. 125.1. Toda aquela confiança em si mesmo, toda falta de fé, não os levou senão a uma vida dura no cativeiro. O Monte Sião espiritual continua firme e forte, inabalável, basta que a pessoa queira essa segurança, essa fortaleza em sua vida. Deus continua o mesmo, amor sem igual a todos quantos vão até Ele. Somente o Senhor Deus pode oferecer o descanso espiritual sem medida.

“Mas tendes chegado ao Monte Sião e a cidade do Deus vivo, a Jerusalém celestial, e a incontáveis hostes de anjos, e à universal assembléia” Hb. 12.22.

Graça e Paz!

A grandiosa solução: A ressurreição de Jesus Cristo

A grandiosa solução: A ressurreição de Jesus Cristo

Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; isto não vem de vós; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie” (Ef 2.8-9).

Ressurreição 2Desde os primórdios da civilização quando o ser humano pecou, desobedeceu  a ordem do Senhor Deus, e foi ao encontro do pecado, daí resultou a morte espiritual, em conseqüência a morte física, e a vida sem esperança. O pecado entrou no mundo através de um homem, e o resultado atingiu todos os seres humanos. Todos morrem sem exceção. O sofrimento veio em  todas as áreas da vida. O ser humano desfez o plano de Deus para viver uma vida de pecado, de desobediência, de sofrimento, enfermidades, e muitos revezes que acontecem no decorrer da vida.

Mas a promessa de Deus foi cumprida. Ele enviou Jesus Cristo, Seu Filho Unigênito, para que cumprisse tudo o que fora dito pelos profetas do Senhor Deus, e morresse na cruz do calvário, derramando o Seu precioso sangue, para que olhássemos para Ele e sentíssemos que aquele lugar era de cada um de nós. Jesus ressuscitou ao terceiro dia após a sua morte. Mostrou-nos que Ele é o Salvador de todo aquele que n’Ele crê. Ele morreu e ressuscitou, venceu a morte e nos mostrou que se O recebermos como nosso único e suficiente Salvador pessoal, também ressuscitaremos como Ele ressuscitou e viveremos  eternamente junto a Deus Pai.

Jesus Cristo é o próprio Deus que reconcilia o ser humano com Ele, e lhe oferece  a oportunidade de volta ao paraíso celeste, como era no princípio.  Mas Deus quer que cada pessoa tome a sua decisão individualmente, de livre e espontânea vontade. O Senhor Deus oferece a todos a mesma oportunidade, sem acepção de pessoas. O Apocalipse nos mostra a maravilha que é o Paraíso Celeste. “Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que morra, viverá” (Jo 11.25).

A vida de quem recebe o Senhor Jesus como seu Salvador pessoal, muda totalmente. A pessoa começa receber as bênçãos prometidas por Ele. A paz que somente Jesus pode dar (João 14.27). E no porvir a vida eterna no paraíso celeste. Quando Jesus subiu ao monte da transfiguração com Pedro, Tiago e João, transfigurou-Se  diante deles, para mostrar como era um pouquinho de Sua glória, trouxe também Elias e Moisés para falar com Ele (somente com Ele – Jesus). Elias e Moisés já estavam na glória há muitos e muitos anos. Ali, Jesus mostra a maravilha da ressurreição.  Mt. 17.1-8. Embora, haja muitos problemas, dificuldades e sofrimentos, tudo fica mais leve, mais compreensível quando o Senhor caminha conosco. Não há promessa de um mar de rosas na vida de uma pessoa, mas há promessa da companhia e dos cuidados  contínuos do Senhor Jesus.

A ressurreição de Jesus Cristo oferece uma vida abundante de bênçãos, confiança no futuro, sem medo do que possa acontecer, porque o Senhor está com a pessoa. Uma vida cheia de esperança, porque a pessoa pode fazer planos para o futuro, ter a certeza de que não está sozinha, mas com uma ótima companhia. Quando recebemos o dom da vida espiritual, somos postos em liberdade (João 8.32). O Senhor Deus oferece a passagem gratuita de volta ao lar celestial. Basta procurá-la com o Senhor Jesus Cristo, Ele já pagou por ela na cruz do calvário.

Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” (Jo. 10.10).

Graça e Paz!

Acalme seus passos

Acalme seus passos

Acalme os seus passos. 1

“Qual de vós, por ansioso que esteja, pode acrescentar um côvado (antiga unidade de medida de comprimento equivalente a três palmos, ou 66 cm.) ao curso de sua vida?” Mt. 6.27.

“E por que andais ansiosos quanto ao vestuário? Considerai como crescem os lírios do campo: eles não trabalham, nem fiam. Eu, contudo, vos afirmo que nem Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles” Mt. 6.28,29.

O tempo passa em uma progressão assustadora. Dificilmente, a pessoa consegue acompanhar o desenrolar dos acontecimentos, e se torna escrava dos compromissos. Deixa de viver a melhor parte da vida, que é aproveitar o que há de melhor e gratificante para uma vida completa, cheia de bons frutos. Não há necessidade de se preocupar demais com o desenrolar da vida, porque ninguém consegue acrescentar nem um só côvado ao curso de sua vida nem mudar a ordem dos acontecimentos.

Acalme os seus passos – pensamentos. Volva-se para o Senhor nosso Deus! Valorize o que realmente tem valor. A mente é o bem mais precioso que o ser humano tem. Porque é a mente que forma opinião, decide sobre o que será feito – bom ou ruim. O ser humano é livre para optar pelo bem ou mal. A opção pelo bem leva a pessoa a um crescimento ou uma estrutura de vida muito boa. Todo o bem só constrói algo diferente e bom  na vida humana. O bem nunca decepciona, pelo contrário, oferece o que há de melhor para a vida da pessoa.

Acalme os seus passos – decisões.  Não há necessidade de um viver: ansioso, preocupado, nervoso, irritado, descontrolado. As decisões devem ser tomadas com calma, tranquilidade, precisas, para que depois de um tempo não venha o arrependimento. Toda decisão impensada ou precipitada traz consequências em seguida. Não há necessidade de tanta tribulação. A receita principal é: volta para a área espiritual. Esta realmente é valiosíssima. Porque toda decisão importante primeiramente deve ser levada à presença do Senhor nosso Deus. Somente Ele orienta a pessoa para que decida corretamente. A decisão orientada por Deus oferece uma estrutura firme, bem construída, que nunca se abala.

Acalme os seus passos – modo de viver. Deus fez o ser humano a sua imagem e semelhança moral/espiritual, portanto, o ser humano precisa estar firmado espiritualmente para ser realmente uma pessoa completa. O Senhor nosso Deus deixou um lugarzinho reservado no coração humano para a Sua particular morada. Ele é o dono de cada vida humana, Ele deve estar sempre no comando de uma direção. Deus nos criou para que vivamos dependentes do Seu grande Amor e Poder. Somos pequeninos, indefesos, necessitamos de Sua constante presença em nossas vidas. Somos ovelhas do Seu pasto. “Quanto a nós, teu povo ovelhas do teu pasto, para sempre te daremos graças; de geração em geração proclamaremos os teus louvores” Sl. 79.13.

Acalme os seus passos – testemunho. Toda ovelha do Senhor nosso Deus é muito importante para Ele. O Senhor dispensa cuidados especiais a cada uma delas. Mas Ele requer que cada uma individualmente corresponda ao Seu Amor e ao Seu Carinho, sendo uma pessoa que seja cabeça em qualquer situação. Isto é: seja sempre aquele que vai à frente, que resolve situações difíceis, que conduz corretamente aquelas ovelhas recém- convertidas, enfim, que oferece apoio espiritual a todos quantos necessitem. O testemunho de uma ovelha de Cristo é muitíssimo importante, fala muito alto a todos que a rodeiam.

Quanto mais a pessoa se aproximar do Senhor nosso Deus, mais ela crescerá espiritualmente. Ela será uma pessoa integral, moderada em tudo, confiável, digna de ser imitada por outras pessoas que ainda não conhecem o Senhor da Glória. A ovelha do Senhor Jesus Cristo vive com as bênçãos do Senhor desde o momento de sua decisão, e tem a certeza de sua salvação para a eternidade. A área mais valiosa para o ser humano é a área espiritual, porque dela depende todo o nosso ser e nosso modo de viver. O Senhor Deus é espírito e importa que Seus adoradores O adorem em Espírito e Verdade (João 4.23). Toda pessoa preocupada com a área espiritual, vive em paz consigo mesma, com Deus, e com todos que a rodeiam. Portanto, acalme os seus passos. Caminhe tranquilamente pelas sendas da vida espiritual, juntamente com o Senhor Jesus Cristo.

“Vós, pois, ó ovelhas minhas, ovelhas do meu pasto; homens sois, mas eu sou o vosso Deus, diz o Senhor Deus.” Ez. 34.31.

Eternamente nova

Eternamente nova

 Eternamente nova

“Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra” 2 Timóteo 3.16,17.

e A Palavra de Deus é atualíssima. Tudo que necessitamos para nossa orientação encontra-se nela.

Somente Deus foi, é e será eterno. Por isso a Sua Palavra não necessita de correção, de mudanças, de revisão. Como para o Senhor nosso Deus não há contagem de tempo, para Ele o tempo é sempre presente. A Palavra do nosso Deus nos dirige e nos orienta na educação, na justiça, na correção. É o maior livro didático que conhecemos. A Palavra de Deus forma um alicerce firme no ser humano, que será perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra. Boa obra é a educação completa para uma pessoa. A pessoa agirá corretamente com seu semelhante, será honesta, amável, amorosa, enfim, será um verdadeiro cidadão valioso para a sociedade, e agradável para Deus.

A Escritura Sagrada é toda inspirada por Deus. Cada página, cada acontecimento, segue rigorosamente a orientação do Senhor Deus para com o ser humano. Deus pensou um plano para a orientação, educação, e salvação do ser humano. Com a desobediência o ser humano perdeu o direito de viver ao lado de Deus no paraíso celeste, e foi enviado a terra para que trabalhasse e conseguisse alimentos com seus próprios esforços. Mas Deus quer que o ser humano se redima e volte a viver ao Seu lado no paraíso celeste. Então, Ele enviou Jesus Cristo para realizar o sacrifício na cruz do calvário. Morreu e ressuscitou ao terceiro dia. Subiu ao céu, e está juntamente a Deus Pai.

Toda pessoa que se preocupa com a salvação de sua alma imortal, necessita aceitar o convite de Jesus Cristo no seu coração/alma/espírito. (Apoc. 3.20). Quando a pessoa recebe o Senhor Jesus em seu coração, ela começa a receber as bênçãos prometidas por Ele, e no futuro a vida eterna no paraíso de Deus. Isto é, a reconciliação do ser humano com o seu Deus. É à volta a casa do Pai. Jesus disse: “Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fora, eu vo-lo teria dito. Pois, vou preparar-vos lugar” João 14.2; “Jesus é o Caminho, e a Verdade, e a Vida; ninguém vem ao Pai senão por mim” João 14.6.

Por mais moderno que o ser humano seja, por mais evoluído que esteja, por mais que ele admire a evolução das coisas, espiritualmente, nada mudou. O ser humano continua com as angústias, com o medo, com as necessidades espirituais de sempre. Somente a Palavra de Deus pode suprir todas as necessidades espirituais do ser humano, e transformá-lo em alguém tranquilo, confiável, amável, seguro de si. O Senhor é a Rocha que transforma todo e qualquer espírito angustiado em um espírito alegre, de bem com a vida, e principalmente, amado do Senhor Jesus. Somente a Palavra de Deus – a Bíblia Sagrada é eternamente nova e válida para todas as pessoas sem distinção, nem discriminação. Deus é Amor – (1 João 4.8b).

“Examinais as Escrituras, porque julgais ter nelas a vida eterna, e são elas mesmas que testificam de mim” João 5.39.

Deus, fonte de excelso prazer

Deus, fonte de excelso prazer

Deus, fonte de eterno prazer. 2

“Tu me farás ver os caminhos da vida; na tua presença há plenitude de alegria, na tua destra, delícias perpetuamente.” Sl. 16.11.

Tudo que é belo, perfeito, sem defeito provém de Deus. Só Deus pode criar a natureza tão bela, tão completa, com tantas minúcias, tantas variedades de plantas, de seres viventes. Só Deus tem a beleza completa, essência de tudo que é bom. Somente Deus pode oferecer a fonte de excelso prazer. O ser humano contenta-se com um pouco de felicidade, que é passageira; um pouco de sucesso que é bastante limitado. O ser humano contenta-se com o que é limitado, pouco, pequeno ou ínfimo.

Deus é a verdadeira fonte de excelso prazer, ou seja, prazer ilimitado, verdadeiro, concreto na vida de alguém. Deus é o centro do universo. Tudo gira em torno d’Ele, e através d’Ele. O ser humano muitas vezes quer ser o centro do universo, mas está muito longe de sê-lo. O homem é falho, limitado, não consegue fazer nada perfeito. Cria uma teoria, sustenta-a por algum tempo, depois precisa modificá-la, transformá-la, reeditá-la, porque essa teoria fica ultrapassada em relação as novas que surgem, mas o Senhor Deus não, tudo que Ele criou foi e é perfeito, sem necessidade de retoques, modificações. Desde a primeira página de Sua Palavra foi, é e será sempre atualíssima. Deus é a perfeição.

Somente Deus é a fonte de excelso prazer. Esse prazer é espiritual. Preenche todas as necessidades do ser humano. Na Sua Palavra há orientação para todas as dificuldades, e respostas para todos os problemas. É um guia completo para a pessoa viver em paz e segura de todo o mal. É o manual que Deus nos deixou para que o consultemos todas as vezes que necessitarmos de ajuda. Em o manual divino tomamos conhecimento como funciona o prazer espiritual, em decorrência deste, vem o prazer material. Ter excelso prazer é ter prazer completo pelo plano de Deus. Deus quer que sejamos felizes, que vivamos em paz e que aproveitemos tudo que Ele planejou para as nossas vidas. Deus quer que transmitamos esse prazer a outras pessoas que ainda não o tem. Conhecer o plano de Deus para as nossas vidas é possuir o mapa do tesouro mais valioso do mundo.

O rei Davi era um homem de sucesso; tinha muitas riquezas, prazeres e fama. Mas foi na presença de Deus que encontrou alegria verdadeira e felicidade perpétua. Encontramos lindos Salmos escritos por ele em louvor ao nosso Deus. Toda riqueza dele não era suficiente para comprar uma só bênção do Senhor, porque o que é espiritual só se adquire espiritualmente. “Agrada-te do Senhor, e Ele satisfará os desejos do teu coração” Sl. 37.4. Davi foi chamado de amigo de Deus. Davi foi o homem segundo o coração de Deus (1 Sm. 13.14).

“Faze-me ouvir, pela manhã, da tua graça, pois em ti confio; mostra-me o caminho por onde devo andar, porque a ti elevo a minha alma” Sl. 143.8.

Graça e Paz!