Jesus – A eterna fonte de alegria

Tu me farás ver os caminhos da vida; na tua presença há plenitude de alegria, na tua destra, delícias perpetuamente” Sl. 16.11.

Jesus é a eterna fonte de alegria. É uma alegria que tem início quando a pessoa conhece o poder de Deus através de Jesus Cristo e a Sua Palavra. Há vários tipos de alegrias no âmbito humano, mas somente uma é verdadeira, imutável, universal e eterna, a espiritual. Esta permanece para sempre, e só cresce, nunca diminui nem desaparece. As demais perecem rapidamente, quando há mudança de perspectiva ou qualquer vento contrário às ideias comuns de cada pessoa.  A verdadeira alegria está no mais profundo do nosso ser, na essência da vida. Somos feitos à imagem e semelhança moral de Deus (Gn 1.26). Temos a essência maravilhosa do Senhor, nosso Deus. Nós não entendemos, mas quando nos aproximamos d’Ele a nossa centelha ou fagulha espiritual é acionada e age em nosso interior. Aí nos sentimos seguros e alegres porque sabemos que o nosso Deus está agindo maravilhosamente.

Nem todas as situações são alegres, agradáveis, festivas, mas isso não abala a verdadeira alegria que permanece imutável. Muitas situações são preocupantes, difíceis ou muito difíceis, mas são solucionáveis ou aceitáveis. A alegria da alma/espírito é constante na vida de uma pessoa que tem a certeza da presença de Jesus Cristo em sua vida. Essa alegria é diferente, é totalmente diferente, é querer se aproximar da vontade de Deus, é crescer cada vez mais, e viver sempre de conformidade com a Sua Palavra. “Busquei o Senhor, e ele me respondeu; livrou-me de todos os meus temores. Os que olham para ele estão radiantes de alegria; o seu rosto jamais mostrará decepção” Sl 34.5. A Paz de Cristo é uma realidade mesmo no vale mais escuro que muitas vezes uma pessoa precisa atravessar. “e a paz de Deus que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus” Fp 4.7

Jesus Cristo é a eterna alegria. Ele é o orvalho divino que se faz presente todas as noites na vida do ser humano, por conseguinte, as bênçãos são presentes dia após dia. O orvalho físico que aparece toda noite, calmo, sem barulho,imperceptível, apenas existe, e mostra a sua importância para a natureza. Assim é o orvalho divino, mas pouquíssimas pessoas valorizam esse orvalho e tiram proveito da Sua presença. O Senhor disse: “Serei para Israel, como orvalho, ele florescerá como o lírio e lançará as suas raízes como o cedro do Líbano” Os. 14.5. Jesus Cristo é o orvalho em nossas vidas, porque Ele está presente continuamente conosco. Quando o Senhor diz Israel, está se referindo a todos os salvos e bem-aventurados. A alegria espiritual traz paz ao coração. Essa alegria não é passageira, é eterna. Podemos desfrutar das coisas passageiras porque sabemos que vem do Pai, que é eterno e tem sempre mais para nos dar.

Não precisamos temer o fim da alegria. Porque há em abundância eterna. Mesmo na tristeza, Deus nos dá alegria na alma. Porque a tristeza é orgânica, física, e a alegria são espirituais. Essa alegria é mais profunda e nem sempre se expressa com um rosto alegre ou um grande sorriso. A alegria na dificuldade se chama esperança. Deus promete que a tristeza não dura para sempre. Sua alegria vencerá toda dor. A tristeza é passageira, mas a alegria do Senhor nosso Deus dura por toda a eternidade. “Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade…” Gálatas 5.22.

A alegria espiritual traz paz ao coração, e um coração em paz tem inúmeros benefícios, além de uma boa saúde mental. “Grande paz têm os que amam a tua lei; para eles não há tropeço” Sl. 119.165. Jesus oferece paz gratuitamente, mas poucas pessoas se interessam em recebê-la. Poucos sabem que “Não há paz para os ímpios” Is. 57.21.

“Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que crêem no seu nome” Jo 1.12.

Graça e Paz!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *